Entendendo um pouco sobre a importância do adestramento

Adestramento-de-Cães-Como-Adestrar-Um-Cachorro

Tem um cãozinho novo? Ou está tendo trabalho com algum cãozinho passando do limite? Lembre-se, aprenda a treinar e educar seu cão. Comece com elementos básicos e necessários para estimular sua mente. Muitos dos problemas comportamentais como latir, cavar, pular, morder, têm como raiz a falta de exercícios. Estabeleça um plano diário de exercícios para o seu cão. Fará bem a ele e a você.

Métodos e técnicas corretas aplicadas através de uma motivação positiva, seu cão aprenderá a entender gestos e comandos de voz que facilitarão a comunicação e melhorará a convivência com pessoas e outros animais.
A partir do terceiro mês de vida, é possível ensinar comandos que não exigem muito esforço físico, como dar a patinha ou pegar um brinquedo. Há também o adestramento de hábitos necessários como o local correto de fazer suas necessidades, comer, dormir. Mas não pense que adestramento serve apenas para cães novos, os cães com mais idade aprendem muito bem dependendo de suas limitações. Paciência e carinho, motivação positiva e técnica seguras rendem grandes resultados. Reserve algumas horas do seu dia e também, procure um profissional.
Algumas dicas necessárias:
Prevenir pulos – Por mais fofo que seja seu pequeno filhote pedindo sua atenção, é importante estipular algumas regras desde sua chegada, visando seu comportamento futuro. Não podemos deixar com que ele faça “gracinhas” enquanto filhote, quando estas, poderão gerar alguns problemas futuros como o saltar. Não faça carinho ou fale com o filhote quando ele saltar em você. É necessário ignorá-lo, até que ele coloque suas quatro patinhas no chão. Então, quando ele estiver no chão, acaricie e elogie seu filhote. Ele precisa descobrir desde cedo que não ganhará atenção pulando, isso evitará constrangimentos durante visitas e não haverá a necessidade de manter seu cãozinho preso durante suas reuniões sociais.
Treine o uso da coleira – Aproveite enquanto ele ainda for filhote e inicie o uso da coleira, essa é a fase em que é mais fácil controlar seu cão. Como fazer? Apenas comece a caminhar quando a guia estiver frouxa, quando o cão olhar para você ou andar ao seu lado, elogie. Mas se ele começar a andar na sua frente, pare de andar e espere, até que ele olhe novamente para você. Então, elogie e volte a caminhar.
Evitando comportamentos agressivos – é importante ensinar ao seu filhote aceitar a sua presença ou dos demais membros da casa, perto da comida, brinquedos ou caminha. Sempre interagindo com uma boa motivação. Simplesmente não tire seus pertences sem uma recompensa ou motivação, isso o deixará na defensiva, poderá rosnar ou até mesmo morder. Evite essas ações, você não iria gostar que alguém tirasse sua cama, comida ou um objeto preferido, sem antes conversar ou avisá-lo. Assim também funciona com seu cãozinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *